Jun 02

TV fora do arHá cinco meses do desligamento dos sinais analógicos de televisão em Brasília e região, começam a ser entregues nesta quinta, 2/6, os kits gratuitos de conversor e antena para famílias pobres, inscritas em programas sociais do governo federal. Por enquanto, cerca de 100 mil, das 372 mil famílias com direito ao kit, agendaram a entrega nos postos da Seja Digital, outrora EAD, responsável pela distribuição.

O conversor permite que os sinais digitais sejam captados mesmo por aparelhos de televisão analógicos – via de regra, as TVs de tubo. A antena externa, mais do que melhorar a recepção, é uma espécie de seguro para evitar eventuais interferências dos celulares 4G com a nova televisão.

A distribuição, inicialmente ao Bolsa Família, depois estendida a todo o Cadastro Único dos programa sociais, é uma das contrapartidas das operadoras móveis na transição digital. Com o desligamento dos sinais analógicos, em Brasília no próximo 26 de outubro, a frequência de 700 MHz, hoje com as TVs, passam a ser usadas pelos smartphones.

Para entregar os kits, a Seja Digital montou 19 pontos de atendimento, 12 deles no Distrito Federal, os demais em cidades do Entorno da capital que serão afetadas pelo desligamento, todas em Goiás: Águas Lindas, Cidade Ocidental, Cristalina, Formosa, Luziânia, Novo Gama, Planaltina, Santo Antônio do Descoberto e Valparaíso.

Têm direito ao conversor e antena inscritos em programas com Bolsa Família, Tarifa Social, Minha Casa, Minha Vida. Para confirmar o direito e agendar a distribuição do kit, basta acessar o site www.sejadigital.com.br (ou www.vocenatvdigital.com.br) ou ligar para o telefone 147 (a chamada é gratuita). É preciso ter o número do CPF ou NIS.

Fonte: Convergência Digital



Gostou? Compartilhe!!!

Comments are closed.

preload preload preload