Aug 17

TV Digital: Governo culpa resistência de fabricantes ao Ginga pelo atraso

notícia, TV digital, videos Comments Off on TV Digital: Governo culpa resistência de fabricantes ao Ginga pelo atraso

Apesar das difíceis negociações – e da relutância de boa parte dos fabricantes de aparelhos de TV de incorporarem o Ginga como software de interatividade no sistema digital – o Ministério das Comunicações acredita que a partir do próximo ano o mercado começa a recuperar o tempo perdido.

“Tomamos uma decisão de tornar obrigatória a instalação do hardware com o software nos aparelhos receptores. Isso vai ajudar a deslanchar. E estamos começando a discutir com as produtoras de conteúdo, as emissoras. Vai acabar pegando”, lembra o ministro.

“Os fabricantes não queriam colocar. Discutimos com eles praticamente um ano. No fim, não teve acordo. Então, fizemos. Tinha uma briga porque o pessoal queria ter outras soluções, não queria por o Ginga, queria ter software fechado embarcado.”

Sem acordo, o governo baixou novas normas de Processos Produtivos Básicos relacionadas à fabricação de aparelhos de TV, determinando que a partir de 2013 os equipamentos tragam o Ginga (de início, 75% deles; percentual que passa a 90% em 2014.

A dúvida é se o tempo será suficiente para que os brasileiros troquem os televisores até 2016. E ainda há aqueles que adquiriram televisores supostamente compatíveis com o sistema digital, mas que – por conta da disputa lembrada pelo ministro – não contemplam a interatividade.

“Quem já trocou de televisão, não vai fazer igual celular. Quem compra uma televisão vai querer ficar com ela seis, sete anos. Então quem já tem, acho que foi um espaço que perdemos, vai demorar mais. Por outro lado, começando no ano que vem, as pessoas já vão começar a comprar com tecnologia embarcada. Acaba ficando mais atraente para a própria televisão adotar as tecnologias.”

Fonte: Convergência Digital

Tagged with:
Aug 17

Aplicativo Interativo: Londres 2012 da Rede Record

aplicativos, interatividade, videos Comments Off on Aplicativo Interativo: Londres 2012 da Rede Record

Tagged with:
Jul 03

I Oficina Ginga-DF: Reportagem Canal E – Secretaria de Educação do DF

eventos, videos Comments Off on I Oficina Ginga-DF: Reportagem Canal E – Secretaria de Educação do DF

Fonte: http://www.se.df.gov.br/?p=5939

Tagged with:
Feb 15

Premiação dos melhores aplicativos para TV Digital na Campus Party

eventos, videos Comments Off on Premiação dos melhores aplicativos para TV Digital na Campus Party

Parabens aos ganhadores!!!!!

Tagged with:
Jul 26

Videos educativos da TV Digital Argentina

videos Comments Off on Videos educativos da TV Digital Argentina

Mangruyo y Sifón parte 01

Mangruyo y Sifón parte 02

Mangruyo y Sifón parte 03

Mangruyo y Sifón parte 04

Mangruyo y Sifón parte 05

Fonte: http://tvpublica.com.ar/digital/articulo?tag=tvdigital.mangruyo

Tagged with:
Apr 05

Feira ajuda a entender e participar da TV digital

TV digital, videos Comments Off on Feira ajuda a entender e participar da TV digital

As universidades federais do país estão desenvolvendo projetos para aumentar a interação de alunos com a TV digital. As novidades estão sendo apresentadas na primeira feira de inovação tecnológica, em São Paulo.

Assista em http://tvbrasil.ebc.com.br/reporterbrasil/video/14879/

Fonte: EBC

Tagged with:
Jan 25

Este video de aplicações interativas para TV Digital foi desenvolvido pelo LIFIA de la Universidad Nacional de La Plata e pelo Centro de Producción Audiovisual de la Universidad Nacional de Tres de Febrero de Argentina. Toda a programação das aplicações foram feitas em GINGA.

Outros videos podem ser vistos pelo canal do youTube http://www.youtube.com/user/canaluntref?hl=es#p/u/24/U2sZLdBq5Ek

Tagged with:
Dec 06

Segundo os desenvolvedores quando idealizaram este projeto para ser apresentado a banca da Universidade Estácio de Sá (Campus Nova América – Rio de Janeiro), iniciaram a busca com um objetivo claro: Buscar alternativas viáveis para que a educação possa abranger a todas as camadas da sociedade. Depois de analisar algumas possibilidades, optamos por nos aprofundar no estudo da interatividade na TV Digital.

O Ginga Bemtevi pode ser tratado como um conjunto de ferramentas para ser utilizadas durante a exibição de um programa de ensino a distância interativo. Os botões coloridos do controle remoto, com exceção do botão vermelho utilizado para voltar a tela inicial, abrem opções de interação com o telespectador.

Para maiores informações e download do aplicativo acesse
http://gingabemtevi.wordpress.com/

Twitter dos autores
http://twitter.com/diegoferreirarj
http://twitter.com/bcalvessilva

——

TVD Quiz: Aplicação de perguntas e respostas para #TVD

O TVD Quiz é uma aplicação desenvolvida em NCL e Lua para o Sistema Brasileiro de TV Digital, que permite que o usuário/telespectador responda a um Quiz a partir da tela da sua TV.

As perguntas e alternativas são cadastradas em um arquivo lua de dados, permitindo a fácil inclusão e alteração de perguntas, assim como de alternativas.

Para maiores informações e download da aplicação acesse
http://tvdquiz.manoelcampos.com

Twitter do Manoel
http://twitter.com/manoelcampos

Veja, no vídeo a seguir, uma demonstração da aplicação em execução.

Tagged with:
Sep 15

Reinaldo Pamponet, Luiz Soares e Guido Lemos falam sobre Brasil e tecnologia de ponta

notícia, videos Comments Off on Reinaldo Pamponet, Luiz Soares e Guido Lemos falam sobre Brasil e tecnologia de ponta

ELETROCOPERATIVA E SERVIROLOGIA

As maravilhas da TV digital não se limitam a incrementar a qualidade das imagens ou permitir a compra da blusa da personagem da novela. A televisão está entrando na internet e ganhou entrada USB, abrindo uma via de duas mãos. O telespectador que antes só recebia a programação das emissoras poderá carregar seu próprio conteúdo em canais abertos de transmissão. “A democratização da informação não só possibilita ter acesso ao conhecimento, como permite gerá-lo. As pessoas estão se dando conta de seu potencial criativo, pois o conhecimento não está nas universidades. O futebol e o Carnaval não nasceram na sala de aula”, afirma Luiz Fernando.

Ninguém melhor do que Reinaldo pra comprovar isso. Natural de Salvador, o ex-executivo da Microsoft participou da implantação da internet no Brasil e recusou uma promoção na multinacional pra fundar, em 2003, o Instituto Eletrocooperativa. O local escolhido para sediar o projeto foi justamente o Pelourinho. A ideia era juntar o tambor, representação da musicalidade local, com o computador, gravando em estúdio a produção musical dos jovens do bairro. “Era o beat e o bite, juntar cultura com computador”, conta Reinaldo, que no dia do encontro promovido pela Trip passava o bastão da Eletrocooperativa aos ex-alunos que agora cuidam da gestão do centro cultural.

Reinaldo ampliou horizontes. Desenvolveu um portal na internet que propõe perguntas aos internautas. As “chamadas criativas” convidam jovens de todo o país a desenvolver uma resposta em forma de conteúdo audiovisual: músicas, vídeos, programas de rádio, podcasts, fotografias, ilustrações, cartazes e textos. Os melhores são remunerados. Já são mais de 3 mil jovens trabalhando em rede, sendo que 60% deles recebem em dinheiro por sua produção.

Ao buscar respostas para as “chamadas criativas”, os internautas entram num processo autodidata, buscando referências e estudando o assunto. Se viram pra aprender, responder e ganhar por sua produção. Como disse o educador Paulo Freire: “Se virar para vir a ser”. Daí o conceito de “sevirologia”, que já ganhou nome em inglês: “It’s Noon”. “É o momento quando o sol está no seu ponto mais alto e não faz sombra pra ninguém. Quando cada um encontra sua própria luz pra criar”, explica Reinaldo. Entusiasmado, Guido propõe a Reinaldo uma união, trazendo a ideia de fazer as chamadas criativas na TV universitária da UFPB, para estimular a produção de conteúdo para sua programação. Logo os dois trocam contatos, pensando em continuar a troca de ideias para um possível projeto em comum.

Matéria completa: http://revistatrip.uol.com.br/revista/192/reportagens/brasil-high-tech.html
Fonte: Revista Trip

Tagged with:
Sep 03

Ao participar do Rio Info 2010, o assessor-chefe da Casa Civil, André Barbosa, diz que a integração dos programas pode vir a acontecer por meio dos conversores, que passariam a também funcionar como um dispositivo de acesso à Internet, especialmente, para as classes D e E.

André Barbosa falou também sobre a reunião com os fabricantes de conversores – uma segunda rodada está prevista para o dia 08 de outubro. Ele observou que os fabricantes vão abrir as planilhas de custos para o Ministério da Fazenda. Mas negou que havia um preço fixado em R$ 237.

“Não houve uma proposta formal. Isso é um preço médio, mas, agora, é que vamos negociar um custo final, mas o governo ainda trabalha que o preço máximo é de R$ 200”, afirmou. Barbosa também se mostrou otimista com a presença dos grandes fabricantes na massificação da TV digital.

O assessor-chefe observa que o setup-box deve ser transformado num mediacenter e não ser visto apenas como um equipamento que permitirá a conversão do sinal analógico para o digital.

Também comentou sobre a normatização das aplicações de interatividade e do modelo de negócios do Ginga e, especialmente, sob o risco de não se ter padronização do middleware. Acompanhe a entrevista exclusiva concedida à CDTV, do Portal Convergência Digital.

Fonte: Convergência Digital

Tagged with:
preload preload preload